Mas porque Almas Castelos? Eu conheci algumas. São pessoas cujas almas se parecem com um castelo. São fortes e combativas, contendo no seu interior inúmeras salas, cada qual com sua particularidade e sua maravilha. Conversar, ouvir uma história... é como passear pelas salas de sua alma, de seu castelo. Cada sala uma história, cada conversa uma sala. São pessoas de fé flamejante que, por sua palavra, levam ao próximo: fé, esperança e caridade. São verdadeiras fortalezas como os muros de um Castelo contra a crise moral e as tendências desordenadas do mundo moderno. Quando encontramos essas pessoas, percebemos que conhecer sua alma, seu interior, é o mesmo que visitar um castelo com suas inúmeras salas. São pessoas que voam para a região mais alta do pensamento e se elevam como uma águia, admirando os horizontes e o sol... Vivem na grandeza das montanhas rochosas onde os ventos são para os heróis... Eu conheci algumas dessas águias do pensamento. Foram meus professores e mestres, meus avós e sobretudo meus Pais que enriqueceram minha juventude e me deram a devida formação Católica Apostolica Romana através das mais belas histórias.

A arte de contar histórias está sumindo, infelizmente.

O contador de histórias sempre ocupou um lugar muito importante em outras épocas.

As famílias não têm mais a união de outrora, as conversas entre amigos se tornaram banais. Contar histórias: Une as famílias, anima uma conversa, torna a aula agradável, reata as conversas entre pais e filhos, dá sabedoria aos adultos, torna um jantar interessante, aguça a inteligência, ilustra conferências... Pense nisso.

Há sempre uma história para qualquer ocasião.

“Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho a toda criatura” (Mc. 16:15)

Nosso Senhor Jesus Cristo ensinava por parábolas. Peço a Nossa Senhora que recompense ao cêntuplo, todas as pessoas que visitarem este Blog e de alguma forma me ajudarem a divulga-lo. Convido você a ser um seguidor. Autorizo a copiar todas as matérias publicadas neste blog, mas peço a gentileza de mencionarem a fonte de onde originalmente foi extraída. Além de contos, estórias, histórias e poesias, o blog poderá trazer notícias e outras matérias para debates.
Agradeço todos os Sêlos, Prêmios e Reconhecimentos que o Blog Almas Castelos recebeu. Todos eles dou para Nossa Senhora, sem a qual o Almas Castelos não existiria. Por uma questão de estética os mesmos foram colocados na barra lateral direita do Blog. Obrigado. Que a Santa Mãe de Deus abençoe a todos.

sábado, 5 de fevereiro de 2011

O Suave Milagre


Junto a Siquém, num sórdido casebre, vivia uma viúva, desgraçada entre todas. Tinha um filho doente que definhava aos poucos, vencido pelas febres.

O chão era úmido e malsão: não havia ali a mais miserável enxêrga. Só alguns trapos que serviam de leito.

Na lâmpada de barro velha e suja secara o azeite.
O grão faltava na arca; cessara o ruído dormente do moinho doméstico. Em terras de Israel era isto a evidência cruel da mais negra miséria.

A pobre mãe, sentada a um canto, chorava. Mal deitada em seu colo descarnado, envolta em farrapos, pálida e tremente, a criança pedia-lhe numa voz débil como um suspiro, que fôsse chamar esse Rabi de Galiléia, de quem ouvira falar junto ao poço de Jacó, que amava as crianças, dava de comer às multidões e curava todos os males humanos, com a simples carícia de suas mãos pálidas e esguias.

E a mãe dizia-lhe chorando:

- Como queres que eu te deixe e vá em busca do Rabi da Galiléia? Obed é rico e tem numerosos servos: pois Obed, com seus auxiliares, procurou Jesus por todos os recantos e aldeias, desde Corazin até o país de Moab, e não o encontrou. Lúcio, o romano, é forte, dispõe de centenas de soldados, e tudo fez para encontrar Jesus. Percorreu os campos e as estradas, desde o Hebron até o mar, e não conseguiu avistar o Rabi. Se os ricos e poderosos não descobriram Jesus, como queres tu que eu possa encontra-lo?

A criança com os olhos cerrados, repetia baixinho, muito triste:

- Mamãe! Eu queria ver Jesus da Galiléia!

E a mãe, a chorar torturada pela angústia, continuou:

- De que me servirá, meu filho, partir e ir procura-lo? Extensas são as estradas da Síria, curta é a piedade dos homens. Vendo-me tão pobre e tão só, os cães viriam ladrar-me à porta. Decerto Jesus morreu; e com ele morreu, uma vez mais, toda a esperança dos tristes.


Pálida e desfalecendo a criança implorou ainda:

- Mamãe! Eu queria ver Jesus da Galiléia!

Abrindo devagar a porta e sorrindo cheio de amor, Jesus disse à criança:

- Aqui estou, meu filho. Aqui estou!

(Autoria: Eça de Queiroz)

10 comentários:

  1. Belíssima postagem, Jorge. Jesus sempre ouve o clamor de seus filhos amados!! Um ótimom e abençoado final de semana, abraço fraterno :)

    ResponderExcluir
  2. Oh! Muito triste e linda. Comoveu-me muito a misericórdia de Jesus diante da criança debilitada,mas cheia de esperança! Parabéns! Abraços!

    ResponderExcluir
  3. Quase chorei.rsrs

    Jesus é sempre assim, atende nossos clamores.
    Muitas vezes, bate a nossa porta, e não o reconhecemos.

    Jesus é maravilhoso.

    A paz!

    ResponderExcluir
  4. Obrigado a todos. Esse conto "Suave Milagre" é bem maior, mas aqui postei apenas um breve resumo.

    ResponderExcluir
  5. Olá caríssimo irmão, é com grande alegria que repasso para você o "Troféu Blog Cristão 2011", visite o meu blog e veja seu presente e quem me enviou. Nunca esquecendo que toda Honra, Glória, Louvor e Adoração pertence ao Único Senhor e Salvador Jesus Cristo. Que DEUSA nos abençoe pela intercesão de Maria santíssima mãe da Igreja e nossa. Amém!!!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Jorge:
    Hoje, tentei postar o selinho Troféu Blog Cristão 2011 que você me ofereceu, mas não consegui. A imagem não aparece. O outro selinho foi baixado. Mas, mesmom assim, agradeço de coração!! Um grande abraço, boa noite :)

    ResponderExcluir
  7. Ola amigo tudo bem.
    Muito lindo seu blog amigo,gostaria de le pedir
    autorizaçao pra copiar a sua logo do topo do seu blog e a mensagem abaixo porque,me facinei pelo,texto.
    Porque quem le reflite e muito,poque diz algo e forte.
    Amigo atenciosamente Alaor J.Santos.
    Meu email:talentoimoveis@hotmail.com

    ResponderExcluir
  8. Agradeco a todos. Quanto ao pedido do IMOBILIARIA voce tem autorizacao para publicar minhas postagens, porem peço que coloque ao final da postagem: "cedido pelo Blog Almas Castelos"

    ResponderExcluir