Mas porque Almas Castelos? Eu conheci algumas. São pessoas cujas almas se parecem com um castelo. São fortes e combativas, contendo no seu interior inúmeras salas, cada qual com sua particularidade e sua maravilha. Conversar, ouvir uma história... é como passear pelas salas de sua alma, de seu castelo. Cada sala uma história, cada conversa uma sala. São pessoas de fé flamejante que, por sua palavra, levam ao próximo: fé, esperança e caridade. São verdadeiras fortalezas como os muros de um Castelo contra a crise moral e as tendências desordenadas do mundo moderno. Quando encontramos essas pessoas, percebemos que conhecer sua alma, seu interior, é o mesmo que visitar um castelo com suas inúmeras salas. São pessoas que voam para a região mais alta do pensamento e se elevam como uma águia, admirando os horizontes e o sol... Vivem na grandeza das montanhas rochosas onde os ventos são para os heróis... Eu conheci algumas dessas águias do pensamento. Foram meus professores e mestres, meus avós e sobretudo meus Pais que enriqueceram minha juventude e me deram a devida formação Católica Apostolica Romana através das mais belas histórias.

A arte de contar histórias está sumindo, infelizmente.

O contador de histórias sempre ocupou um lugar muito importante em outras épocas.

As famílias não têm mais a união de outrora, as conversas entre amigos se tornaram banais. Contar histórias: Une as famílias, anima uma conversa, torna a aula agradável, reata as conversas entre pais e filhos, dá sabedoria aos adultos, torna um jantar interessante, aguça a inteligência, ilustra conferências... Pense nisso.

Há sempre uma história para qualquer ocasião.

“Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho a toda criatura” (Mc. 16:15)

Nosso Senhor Jesus Cristo ensinava por parábolas. Peço a Nossa Senhora que recompense ao cêntuplo, todas as pessoas que visitarem este Blog e de alguma forma me ajudarem a divulga-lo. Convido você a ser um seguidor. Autorizo a copiar todas as matérias publicadas neste blog, mas peço a gentileza de mencionarem a fonte de onde originalmente foi extraída. Além de contos, estórias, histórias e poesias, o blog poderá trazer notícias e outras matérias para debates.
Agradeço todos os Sêlos, Prêmios e Reconhecimentos que o Blog Almas Castelos recebeu. Todos eles dou para Nossa Senhora, sem a qual o Almas Castelos não existiria. Por uma questão de estética os mesmos foram colocados na barra lateral direita do Blog. Obrigado. Que a Santa Mãe de Deus abençoe a todos.

segunda-feira, 13 de junho de 2011

O cão morto


Uma fábula oriental descreve um ajuntamento de ociosos em pequeno mercado nos arredores de Jerusalém, em torno de um cão morto que ainda mostrava, amarrada ao pescoço, a corda com que o haviam arrastado pelo chão. Os que o cercavam, olhavam-no com repugnância.

- Empesta o ar - disse um, apertando o nariz com os dedos e trejeitando uma careta de nauseado.

- Reparem na sua pele rasgada que nem para correias de sandália serve - galhofava um outro.

Um egípcio corpulento aludiu às orelhas sujas e sangrentas do animal, e rematou com voz empastada:

- Foi, sem dúvida, enforcado por ladrão.

Desse grupo de homens aproximou-se um desconhecido que ouvira os diversos comentários. Em seu rosto resplandecia estranha luz e todo o seu porte indicava dignidade fora do comum. Pondo os olhos meigos no animal morto e vilipendiado, disse em seu belo e límpido arameu:

- As pérolas desmerecem diante da alvura dos seus dentes.

Todos os circunstantes voltaram-se para ele com assombro, e, vendo-o tão sereno e compadecido, indagavam, entredentes, uns aos outros, quem poderia ser aquele homem. E retiraram-se cabisbaixos, envergonhados, quando alguém alvitrou:

- “Deve ser Jesus, o rabi de Nazaré, que só Ele sabe encontrar qualquer coisa digna de piedade e aprovação, até mesmo num cão morto!”

(Lendas do bom rabi - Malba Tahan)

7 comentários:

  1. Nossa que linda história, amo os bichos não poderia deixar achar linda eu pensando que muitos não sentem mesmo nada pelo o bicho e não sabem que sentem dor, o sangue corre nas veias igual a gente os seres humanos que nem parecem humanos assim, é linda bjs Leila

    ResponderExcluir
  2. Belíssimo conto! Acredito que JESUS tenha feito coisas assim. Nem tudo o que ELE fez e disse está narrado no Evangelho. Vemos as coisas conforme o nosso coração! Se há bondade em nosso coração, conseguimos enxergar bondade; se há beleza, conseguimos enxergar a beleza nas coisas que vemos!...

    Alex A.B.

    Alex

    ResponderExcluir
  3. Estou aqui pela primeira vez..
    Simplesmente amei seu blog e tomei a liberdade de entrar seguindo seu blog.
    Carinhosamente convido a conhecer e seguir o meu também..
    beijos meus,,Evanir..

    ResponderExcluir
  4. Amei seu Blog e já fui me sentindo em casa! Estou seguindo porque creio que vou aprender muito, por aqu! Estou seguindo e te convido para conhecer Sonhos e Artes! Se gostar, vou adorar ter você lá no Sonhos, comigo!Bjus. Josi

    ResponderExcluir
  5. Carinhosamente venho comunicar que
    seu blog estará em homenagem amanhã de manhã
    é com muita alegria no coração que estarei fazendo
    é necessário falar em Deus para as pessoas nesse
    Mundo onde tudo esta tão perdido.
    Um beijo carinhoso,,Evanir.

    ResponderExcluir
  6. Agradeço a todos, amigos e amigas, os comentários que deixaram. Agradeço a Evanir pela homenagem.
    Que Nossa Senhora de Fátima recompense a todos o apoio e o incentivo que me dão.

    ResponderExcluir
  7. Gosto de passar aqui, quando não tenho mais nenhuma preocupação ou atividades a fazer.
    E faço isso quase na hora de ir dormir. Hora que reflito sobre o meu dia e agradeço a Deus por todas as bênçãos que ele tem me concedido.
    E para ler publicações como essa, é preciso parar tudo, ler sem pressa e refletir com o coração.
    Não é necessário um comentário muito extenso. O texto por si só, já diz tudo.
    Abraço fraterno

    ResponderExcluir