Mas porque Almas Castelos? Eu conheci algumas. São pessoas cujas almas se parecem com um castelo. São fortes e combativas, contendo no seu interior inúmeras salas, cada qual com sua particularidade e sua maravilha. Conversar, ouvir uma história... é como passear pelas salas de sua alma, de seu castelo. Cada sala uma história, cada conversa uma sala. São pessoas de fé flamejante que, por sua palavra, levam ao próximo: fé, esperança e caridade. São verdadeiras fortalezas como os muros de um Castelo contra a crise moral e as tendências desordenadas do mundo moderno. Quando encontramos essas pessoas, percebemos que conhecer sua alma, seu interior, é o mesmo que visitar um castelo com suas inúmeras salas. São pessoas que voam para a região mais alta do pensamento e se elevam como uma águia, admirando os horizontes e o sol... Vivem na grandeza das montanhas rochosas onde os ventos são para os heróis... Eu conheci algumas dessas águias do pensamento. Foram meus professores e mestres, meus avós e sobretudo meus Pais que enriqueceram minha juventude e me deram a devida formação Católica Apostolica Romana através das mais belas histórias.

A arte de contar histórias está sumindo, infelizmente.

O contador de histórias sempre ocupou um lugar muito importante em outras épocas.

As famílias não têm mais a união de outrora, as conversas entre amigos se tornaram banais. Contar histórias: Une as famílias, anima uma conversa, torna a aula agradável, reata as conversas entre pais e filhos, dá sabedoria aos adultos, torna um jantar interessante, aguça a inteligência, ilustra conferências... Pense nisso.

Há sempre uma história para qualquer ocasião.

“Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho a toda criatura” (Mc. 16:15)

Nosso Senhor Jesus Cristo ensinava por parábolas. Peço a Nossa Senhora que recompense ao cêntuplo, todas as pessoas que visitarem este Blog e de alguma forma me ajudarem a divulga-lo. Convido você a ser um seguidor. Autorizo a copiar todas as matérias publicadas neste blog, mas peço a gentileza de mencionarem a fonte de onde originalmente foi extraída. Além de contos, estórias, histórias e poesias, o blog poderá trazer notícias e outras matérias para debates.
Agradeço todos os Sêlos, Prêmios e Reconhecimentos que o Blog Almas Castelos recebeu. Todos eles dou para Nossa Senhora, sem a qual o Almas Castelos não existiria. Por uma questão de estética os mesmos foram colocados na barra lateral direita do Blog. Obrigado. Que a Santa Mãe de Deus abençoe a todos.

quinta-feira, 3 de março de 2011

Santa Alegria


Andava São Deícola risonho e alegre e ninguém o via a não ser com semblante feliz e boa disposição de ânimo.
Perguntaram-lhe certa vez qual a causa daquela alegria imutável e constante.

Respondeu o santo:

- Seja o que for, suceda o que suceder, ninguém me pode tirar a Cristo.

Saber sorrir é, muitas vezes, um ato heróico. Que teu sorriso, pensativo e jovial, seja sempre bondoso. Entre os que encontrares em teu caminho, vai de preferência aos mais fracos, aos mais irritados, aos mais abandonados. Sejam quais forem os teus sofrimentos e as tuas tristezas, deverás saber também "alegrar-te com os que se alegram", e tomar parte na felicidade dos outros.

Quando São Paulo nos aconselha que estejamos sempre alegres, expressa sob uma forma aparentemente diversa a sublime verdade: "Estai sempre no estado de graça".

"Há uma alegria que as piores dores não conseguem destruir, uma luz que brilha nas trevas mais densas, uma força que nos ampara em todas as nossas fraquezas. Sós, cairíamos por terra como Cristo levando a Cruz. Caminhamos, apesar de tudo, e se caímos nossas quedas são passageiras, e logo nos levantamos. A razão é que "tudo podemos n'Aquele que nos fortalece". Sendo seres tão fracos, trazemos em nós a força infinita, e nas profundezas da nossa alma brilha a Luz Divina que nunca se apaga. Como, apesar de todos os males, não havemos de viver alegres, com uma alegria sobrenatural, quando temos a Deus conosco para a vida e para a eternidade?".

Lembra-te, portanto, meu amigo, das palavras do Santo:

- Seja o que for, suceda o que suceder, ninguém te pode tirar a Cristo!

("Lendas do Céu e da Terra")

Post Scriptum: Uma das coisas que mais me anima a continuar com meu Blog são as visitas e os comentários que meus amigos deixam, inclusive para me corrigir. Meu amigo Renato fez uma observação importante: A figura acima não é de São Deícola, mas de São Vicente Pallotti. E isso é correto. Pois não encontrei nenhuma foto de São Deícola, mas foi a de São Pallotti que mais se assemelhou com o conteúdo da mensagem. Mas eu deveria ter acrescentado que a foto era de São Vicente Pallotti, e por um lapso não mencionei. Agora fica corrigido minha omissão. Muito obrigado Renato, seu comentário foi de grande valia. Que Nossa Senhora lhe abençoe sempre.

9 comentários:

  1. Lindas palavras! Tudo posso n'Aquele que me fortalece!!!

    ResponderExcluir
  2. Também a mim, suceda o que suceder, não quero me separar do amor de Cristo. muito belo esse santo da sua postagem! Abraços!

    ResponderExcluir
  3. - Seja o que for, suceda o que suceder, ninguém me pode tirar a Cristo.

    Belíssima postagem!

    ResponderExcluir
  4. Que lindo meu amigo, sabias palavras! E se as pessoas soubessemo poder de um sorriso,o mundo seria muito mais alegre!

    Um abraço,
    Raïssa
    http://avelola.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Paz e bem irmãos na fé, gostaria de realizar uma parceria de divulgação e evangelização com vocês. Pois, por sermos blogs irmãos, e católicos principalmente, acho que estamos com o mesmo intuíto: EVANGELIZAR. Por isso irei colar o banner do seu blog no meu blog para juntos sermos párticipes da graça de Deus e do evangelizar o mundo. De seu servo Wander Venerio

    ResponderExcluir
  6. Paz e bem irmão, os dois selos já foram colocados no blog, que Deus nos ajude a viver bem essa Quaresma, amém!

    ResponderExcluir
  7. A postagem está muito legal, mas por que São Vicente Pallotti, está sendo chamado de São Deícola? Ou isso é impressão minha? A imagem do Santo que está aí, é de são Vicente Pallotti, santo Italiano, natural de roma fundador da União do Apostolado Católico, UAC, e da Sociedade do Apostolado Católico SAC( Padres e Irmãos Palotinos)

    ResponderExcluir
  8. Meu amigo Renato. Obrigado por ter colocado esse comentário. Já corrigi minha omissão. Fiz um "post scriptum" na postagem. Verifique. Obrigado pela sua observação.

    ResponderExcluir