Mas porque Almas Castelos? Eu conheci algumas. São pessoas cujas almas se parecem com um castelo. São fortes e combativas, contendo no seu interior inúmeras salas, cada qual com sua particularidade e sua maravilha. Conversar, ouvir uma história... é como passear pelas salas de sua alma, de seu castelo. Cada sala uma história, cada conversa uma sala. São pessoas de fé flamejante que, por sua palavra, levam ao próximo: fé, esperança e caridade. São verdadeiras fortalezas como os muros de um Castelo contra a crise moral e as tendências desordenadas do mundo moderno. Quando encontramos essas pessoas, percebemos que conhecer sua alma, seu interior, é o mesmo que visitar um castelo com suas inúmeras salas. São pessoas que voam para a região mais alta do pensamento e se elevam como uma águia, admirando os horizontes e o sol... Vivem na grandeza das montanhas rochosas onde os ventos são para os heróis... Eu conheci algumas dessas águias do pensamento. Foram meus professores e mestres, meus avós e sobretudo meus Pais que enriqueceram minha juventude e me deram a devida formação Católica Apostolica Romana através das mais belas histórias.

A arte de contar histórias está sumindo, infelizmente.

O contador de histórias sempre ocupou um lugar muito importante em outras épocas.

As famílias não têm mais a união de outrora, as conversas entre amigos se tornaram banais. Contar histórias: Une as famílias, anima uma conversa, torna a aula agradável, reata as conversas entre pais e filhos, dá sabedoria aos adultos, torna um jantar interessante, aguça a inteligência, ilustra conferências... Pense nisso.

Há sempre uma história para qualquer ocasião.

“Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho a toda criatura” (Mc. 16:15)

Nosso Senhor Jesus Cristo ensinava por parábolas. Peço a Nossa Senhora que recompense ao cêntuplo, todas as pessoas que visitarem este Blog e de alguma forma me ajudarem a divulga-lo. Convido você a ser um seguidor. Autorizo a copiar todas as matérias publicadas neste blog, mas peço a gentileza de mencionarem a fonte de onde originalmente foi extraída. Além de contos, estórias, histórias e poesias, o blog poderá trazer notícias e outras matérias para debates.
Agradeço todos os Sêlos, Prêmios e Reconhecimentos que o Blog Almas Castelos recebeu. Todos eles dou para Nossa Senhora, sem a qual o Almas Castelos não existiria. Por uma questão de estética os mesmos foram colocados na barra lateral direita do Blog. Obrigado. Que a Santa Mãe de Deus abençoe a todos.

sábado, 2 de outubro de 2010

A Fonte da Juventude


Devemos cuidar da alma, mas não devemos esquecer do corpo também. Ou não sabeis que o vosso corpo é templo do Espírito Santo, que habita em vós, o qual recebestes de Deus e que, por isso mesmo, já não vos pertenceis? (I Corintios 6: 19)

Talvez os mais jovens que venham a ler esta publicação não conheçam a “Fonte da Juventude”. A Fonte da Juventude era uma fonte de água que jorrava em um determinado local, quem a bebesse rejuvenescia. Havia referencia dessa Fonte nas estórias em quadrinhos e em filmes antigos também. Pessoas que se aventuravam pelas florestas em busca de tal Fonte, formando verdadeiras expedições, quando a encontravam voltavam mais jovens. Claro que essa “Fonte da Juventude” era uma lenda. Lenda que tinha um fundo de verdade, pois esclareço aos leitores que existe uma “Fonte de Juventude”. Não como na lenda, fazendo a pessoa voltar no tempo e ficar mais jovem, mas com certeza preserva a juventude, retarda a velhice, previne e até cura doenças. E essa fonte está ao alcance de todos: a água natural. Explico:

O nosso corpo é formado de matéria sólida e líquida. Segundo nos ensina a ciência, “No corpo humano a água é o principal constituinte, existe entre 70% a 75%, devendo-se ao facto de ser um componente essencial no funcionamento do organismo, necessário para muitas das suas funções vitais.” Temos água no sangue, no estomago, nas células, nos órgãos, e na própria pele. Se nossa pele não tivesse água, não conseguiríamos nem sequer dobrar o dedo que ele racharia e se quebraria.

Já que a água é tão fundamental para nosso corpo humano, e ocupa de 70% a 75% do nosso corpo, repor água saudável é extremamente benéfico.

Para além da camada de terra que envolve nosso planeta, há camadas rochosas de várias formações minerais (rochas de calcário, magnésio, etc.). A água penetra no solo, através da chuva e de outros meios, depois pela ação da gravidade ela encontra as camadas rochosas e assim percorrendo sob a terra, procura alguma fenda nas rochas para continuar descendo. Através do atrito a água leva consigo esses sais minerais que encontra pelo caminho das várias rochas. Chegando mais abaixo no solo, encontra um miolo cada vez mais quente em função das lavras vulcânicas que existem no centro da terra. Esse calor “cozinha” a água com os sais minerais, e pelo vapor, acaba submetendo a água a pressões fortes expulsando-a para a superfície novamente por alguma fissura ou rachadura das camadas rochosas, formando as fontes de águas naturais minerais.

Dependendo da região e das rochas encontradas no solo, a água adquire uma propriedade peculiar.

As águas minerais naturais, quase todas radioativas na fonte e com temperaturas diversas, tem fins terapêuticos e restaurador: GASOSA (a água já sai naturalmente gaseificada da própria fonte), MAGNESIANA (rica em magnésio), FERRUGINOSA (Tônica por excelência, de sabor não muito agradável, mas excelente para a saúde), SULFUROSA (desagradável ao paladar, mas extremamente terapêutica), e assim são as muitas águas que encontramos nas estâncias hidrominerais.

A estância de Águas de Lindóia tem para exibição pública a nota fiscal de número 20.218, da cervejaria Amazonas, emitida em abril de 1969, onde consta que foram vendidas cem dúzias de garrafas de água mineral para o consumo na lua, pelos astronautas da missão Apolo 11 norte-americana. (fonte: Jornal Folha de São Paulo de 13/07/1989).

ÁGUA NA FRANÇA TEM SABOR E ESTILO:

Há em Paris (França) um bar que só comercializa águas. No cardápio há 130 tipos diferentes de água francesa e mais 20 estrangeiras. A brasileira é representada pela “Minalba”, à disposição entre árabes, alemãs ou suecas. Os freqüentadores habituais são alunos do Clube de Ginástica Nicolo, onde funciona o bar. Mas tem entrada franca a quem quiser.

Uma futura mamãe desavisada passaria maus bocados se tomasse alguns copos de CONTREXEVILLE. Esse tipo de água é altamente diurético e triplicaria suas visitas ao banheiro. Em compensação, é a água dos gorduchos, pois ajuda a matar a sede de emagrecer.

Não é difícil ver uma vendedora da loja ou uma funcionária do escritório tirar debaixo da mesa uma garrafa de CONTREX e beber, no gargalo mesmo. Não que essa categoria profissional seja marcada por gordos, mas o trabalho sedentário acaba com a linha. Essa água é conhecida como “a água que as mulheres bebem no bureau (escritório)”. A taxa de fidelidade de seus consumidores é maior de todas as marcas. Rica em cálcio e sulfato, pobre em sódio, além de ajudar a emagrecer, é recomendada para casos mais sérios de retenção de água e propensão a cálculos renais.

Mas as mamães não passam sede. EVIAN, “a água do equilíbrio”, como vende a publicidade, é a água de mães e bebês. Como é muito pouco mineralizada, não modifica as propriedades do leite e por isso é a mais agitada nas mamadeiras. Mas equilíbrio é bom para qualquer um e esse é o tipo de água ideal para hidratação de todos os dias. Leva magnésio, cálcio e sulfato para o organismo, beneficia o equilíbrio nervoso e a manutenção do tônus muscular. Entre as não gasosas é a mais vendida.

A água ideal para a turma do churrasco e para quem gosta de farturas em geral é a VITTEL, desintoxicante e diurética. Graças à quantidade apreciável de magnésio, estimula o sistema endocrinológico. A composição da água não é apenas responsável por seu valor terapêutico mas também por seu sabor.

Alguns bem sutis, como a VITTEL, outros nem um pouco, como o da VOLVIC, de terra, e o da gasosa VICHY, meio salgado. A VICHY é desaconselhada aos hipertensos, cardíacos e a todos que fazem dieta sem sal. Mas se o sujeito está de ressaca funciona mais ou menos como um sal de frutas. Cai bem no fígado e nas vias digestivas e é indicada para combater as náuseas.

Agora, se o beberão, além de se alcoolizar na festa ainda saracoteou a noite toda, deve ingerir alguns copos de HÉPAR. Tem gosto horrível. É uma água muito mineralizada, mas indicada para períodos de esgotamento. É poderosa ainda no combate à prisão de ventre, pois é composta por muito magnésio, cálcio e sulfato.

Prosseguindo com as bulas, os franceses dispõem até de uma água que evitaria as cáries. É a BADOIT, com “bolinhas” e muito flúor.

Mas o status da PERRIER nenhuma outra tem. É o “champanhe das águas”, não só nos outros países, mas no Brasil também. É a água do prazer, das festas. Chiques, é claro. É uma água naturalmente gaseificada devido ao gás carbônico do subsolo vulcânico de onde vem. Mata rapidamente a sede. A pressão do seu gás é tanta que jamais poderia ser engarrafada em plástico. O logotipo é o mesmo desde Napoleão III.

(fonte: Jornal Folha de São Paulo de 09/12/1988)

Nós brasileiros também temos águas maravilhosas. A LINDÓYA fonte São José e fonte São Sebastião (ricas em bicarbonato de cálcio), LINDOYA fonte Levíssima (suave e pouco mineralizada), MINALBA fonte Água Santa (rica em bicarbonato de magnésio), PRATA fonte Leve II (a única com sulfato de bário e rica em bicarbonato de cálcio e magnésio e Fluor), CAXAMBU fonte Mayrink II (bicarbonato de potássio e rica em gás carbônico), e finalmente a BONAFONT (altamente recomendada por quase não conter sódio), todas radioativas na fonte.

3 comentários:

  1. Gostei muito desse artigo! O templo precisa ser mantido em boas condições: enquanto nossa alma tem a ver com a liturgia, as orações e a música sacra, nosso corpo é a arte sacra. Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Este post é para guardar,tamanha é sua utilidade.
    Precisamos tomar cuidado também,com a água com que cozinhamos.Além das águas,podemos auferir grandes benefícios à saúde,ingerindo a pura água das frutas.Interessante lembrar,como Nossa Senhora faz surgir várias fontes de água com propriedades miraculosas.
    As civilizações sempre surgiram próximas à rios,nos litorais ou próximas à fontes e poços,sendo que a posse de tal recurso já originou vários conflitos.
    E as citações bíblicas então?
    Várias vezes são feitas referências à água nas Sagradas Escrituras.
    O que dizer sobre os efeitos terapêuticos dos banhos e lavagens então?
    São tantos!
    As pessoas desacostumaram à beber água,preferem outras bebidas,se esquecendo de que muitas vezes,as coisas mais simples são as melhores.
    Abração, Jorge!

    ResponderExcluir
  3. Sou água cristalina que da terra brota
    Minhas nascentes são preciosidades
    Neste planeta que ainda é raridade
    Pois outra vida não foi encontrada
    Formando uma correnteza a fluir
    Saciando a sede da humanidade
    Saciando a sede das plantações
    Saciando a sede de todas as nações
    Saciando a sede da natureza em geral
    Sem mim não haverá vida não
    Cuidem das nascentes como jóias raras
    Dela todos são dependentes...ÁGUA,FONTE DE VIDA! OBRIGADA,AMIGO,POR MAIS ESTE ENSINAMENTO...PARABÉNS!

    ResponderExcluir