Mas porque Almas Castelos? Eu conheci algumas. São pessoas cujas almas se parecem com um castelo. São fortes e combativas, contendo no seu interior inúmeras salas, cada qual com sua particularidade e sua maravilha. Conversar, ouvir uma história... é como passear pelas salas de sua alma, de seu castelo. Cada sala uma história, cada conversa uma sala. São pessoas de fé flamejante que, por sua palavra, levam ao próximo: fé, esperança e caridade. São verdadeiras fortalezas como os muros de um Castelo contra a crise moral e as tendências desordenadas do mundo moderno. Quando encontramos essas pessoas, percebemos que conhecer sua alma, seu interior, é o mesmo que visitar um castelo com suas inúmeras salas. São pessoas que voam para a região mais alta do pensamento e se elevam como uma águia, admirando os horizontes e o sol... Vivem na grandeza das montanhas rochosas onde os ventos são para os heróis... Eu conheci algumas dessas águias do pensamento. Foram meus professores e mestres, meus avós e sobretudo meus Pais que enriqueceram minha juventude e me deram a devida formação Católica Apostolica Romana através das mais belas histórias.

A arte de contar histórias está sumindo, infelizmente.

O contador de histórias sempre ocupou um lugar muito importante em outras épocas.

As famílias não têm mais a união de outrora, as conversas entre amigos se tornaram banais. Contar histórias: Une as famílias, anima uma conversa, torna a aula agradável, reata as conversas entre pais e filhos, dá sabedoria aos adultos, torna um jantar interessante, aguça a inteligência, ilustra conferências... Pense nisso.

Há sempre uma história para qualquer ocasião.

“Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho a toda criatura” (Mc. 16:15)

Nosso Senhor Jesus Cristo ensinava por parábolas. Peço a Nossa Senhora que recompense ao cêntuplo, todas as pessoas que visitarem este Blog e de alguma forma me ajudarem a divulga-lo. Convido você a ser um seguidor. Autorizo a copiar todas as matérias publicadas neste blog, mas peço a gentileza de mencionarem a fonte de onde originalmente foi extraída. Além de contos, estórias, histórias e poesias, o blog poderá trazer notícias e outras matérias para debates.
Agradeço todos os Sêlos, Prêmios e Reconhecimentos que o Blog Almas Castelos recebeu. Todos eles dou para Nossa Senhora, sem a qual o Almas Castelos não existiria. Por uma questão de estética os mesmos foram colocados na barra lateral direita do Blog. Obrigado. Que a Santa Mãe de Deus abençoe a todos.

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Olhe para cima


Recebí de um amigo um e-mail com um pequeno texto, mas muito interessante. Desconheço o autor. Segue o texto:

Se você colocar um falcão em um cercado de um metro quadrado e inteiramente aberto em cima ele se tornará um prisioneiro, apesar de sua habilidade para o vôo. A razão é que um falcão sempre começa seu vôo com uma pequena corrida em terra. Sem espaço para correr, nem mesmo tentará voar e permanecerá um prisioneiro pelo resto da vida, nessa pequena cadeia sem teto.

O morcego, criatura notavelmente ágil no ar, não pode sair de um lugar nivelado. Se for colocado em um piso totalmente plano, tudo que ele conseguirá fazer é andar de forma confusa, dolorosa, procurando alguma ligeira elevação de onde possa se lançar.

Um zangão, se cair em um pote aberto ficará lá até morrer ou ser removido. Ele não vê a saída no alto, por isso, persiste em tentar sair pelos lados, próximo ao fundo. Procurará uma maneira de sair onde não existe nenhuma, até que se destrua completamente de tanto atirar-se contra as paredes do vidro.

Existem pessoas como o falcão, o morcego e o zangão: atiram-se obstinadamente contra os obstáculos , sem perceber que a saída está logo acima.

Se você está como um zangão, um morcego ou um falcão, cercado de problemas por todos os lados, olhe para cima!

E lá estará Deus e Cristo Jesus, à distância apenas de uma oração!

8 comentários:

  1. Olá! Andei um pouco sumido por falta de tempo, mas aqui estou novamente para apreciar seus artigos.
    Ótima postagem, não conhecia este texto, muito interessante e real.
    Grande abraço na Paz e no Amor de Cristo,

    Reinaldo e Equipe da Pascom

    ResponderExcluir
  2. Adorei! Alimento para o pensamento...
    Espero que estejam todos bem e que os vagalhões da vida não os tenha afogado. Rezo por vocês, Ângelo e Jorge!

    ResponderExcluir
  3. CAIU COMO UMA LUVA PARA MIM!!! :)

    ResponderExcluir
  4. Agradeço os comentários e as visitas. Graças a Deus estou melhorando de saúde. Obrigado.

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia essa linda história que nos trás um puxão de orelha, quantas vezes nos encontramos em desespero e não achamos a saída. "Basta olhar para o alto e confiar naquele que nos dá o melhor...seu amor eterno." Um forte abraço Deus te abençoe. Regina.

    ResponderExcluir
  6. Eu mesma conheço muita gente ao meu redor assim, obstinadas que só dão cabeçadas e não olham a saída. Fiquei muito feliz de ver Regina no seu blog. Ela mora na mesma cidade minha e trabalhamos juntas por anos. É minha amiga! Você esteve doente? Eu nda soube. Um abração! Maria Luiza

    ResponderExcluir
  7. Mais uma vez agradeço as visitas e comentários. Já estou melhor de saúde, Maria Luiza. Estou me recuperando bem. Obrigado. A todos peço orações pelo apostolado.

    ResponderExcluir